Sexta-feira, 4 de Julho de 2014

E se ele se atirasse a um poço, tu também te atiravas?

“E se ele se atirasse a um poço, tu também te atiravas?”. Quem nunca ouviu esta pergunta em forma de ralhete que se atire a um poço. Ao longo da minha vida fui obrigado a responder a esta questão vezes se conta. Isto significa que as pessoas ou desconfiam das minhas companhias ou temem que se me atiro para dentro de um poço tenho poucas probabilidades de me safar. Esta falta de confiança na minha pessoa deixa-me triste. E deprimido, ao ponto de pensar várias vezes em acabar com o sofrimento, atirando-me para dentro de um poço.

Sábado à tarde de um dia quente de Junho. Dentro do quiosque executam-se as tarefas indicadas para um típico sábado à tarde de um dia quente de Junho, enquanto se assiste a um importantíssimo jogo do Mundial (não me perguntem qual, todos os jogos do Mundial são de extrema importância). Ao longe, surge um potencial cliente em direcção ao quiosque. Passa por um ex-potencial cliente, finta outro ex-potencial cliente, e caminha isolado em direcção à banca do quiosque, onde se prepara para um frente-a-frente com o guarda-quiosques deste quiosque, eu próprio. E remata:

A minha mulher atirou-se a um poço. No fim-de-semana a minha mulher atirou-se a um poço. Na 2ª feira apareceu no jornal: “Mulher cai a um poço”. Ora, essa mulher, que é a minha, não caiu no poço. A minha mulher ATIROU-SE ao poço! ATIROU-SE!! Eu não vi, mas sei. Ninguém viu, mas eu sei. Aquele poço não dá para ninguém cair. Aquele poço é um poço para quem se quer atirar a um poço. Portantos, eu queria o jornal de 2ª feira. Queria o jornal de 2ª feira para mostrar à minha mulher que o que vem no jornal é mentira. Tem o jornal de 2ª feira?

publicado por ardinario às 13:20
link do post | comentar | favorito
6 ardinarices:
De Anónimo a 4 de Julho de 2014 às 18:28
ok esta tem que ser inventada!!!!

mesmo?

aqui tenho muitos tolos mas nem tanto


De ardinario a 7 de Julho de 2014 às 09:47
Este quiosque exerce um forte efeito magnético sobre tolos :)


De Anónimo a 7 de Julho de 2014 às 10:15
ok qual foi a edição?
eu peço um suplementar só para ler a história do poço!!!!


De ardinario a 7 de Julho de 2014 às 11:00
23 Junho, Diário Beiras ou Diário Coimbra


De Anónimo a 7 de Julho de 2014 às 11:49
não tenho palavras

precisava de imagem pois sou só risos

agradecida


Comentar post

.ardinario

RSS

.Vieram cá parar

.posts recentes

. A ORLANDA NÃO PERCEBE

. O PERFUME QUE ERA MEU

. O 11 DE SETEMBRO DOS QUIO...

. 3000 METROS OBSTÁCULOS

. Abra-se o livro!

. A vida dá muitas voltas

. À atenção dos accionistas...

. QUIOSQUE QUE LADRA NÃO MO...

. Última hora!

. O CURSO DE LÍNGUAS E O RO...

.arquivos

. Janeiro 2015

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2013

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.links