Quarta-feira, 7 de Setembro de 2011

O quiosque mais honesto do mundo

Entre muitas, uma das lições mais bonitas que as crianças podem oferecer ao mundo é a forma como conseguem ser sinceras nos seus comentários, opiniões e maneira de ver o que os rodeia. Quando uma criança diz a uma senhora com problemas de peso que “a senhora está gorda”, o que na verdade a criança pretende dizer é que a senhora está gorda.

A criança observa, constata o facto e fá-lo saber junto da pessoa em questão, sem problemas ou rodeios de qualquer espécie. A certa altura das suas vidas, devido a um processo que nem a minha genialidade consegue explicar, às crianças deixa de ser permitido que partilhem com o mundo a sua versão dos factos, sendo verdadeiramente engolidas pela sociedade hipócrita que nos caracteriza. 

No quiosque as coisas seriam mais ou menos assim:

 

Situação: O cliente pede três maços de tabaco.

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "Três??? Não tem vergonha?? Vá-se mas é embora!"

 

Situação: O cliente quer a revista Maria.

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "Aprendia mais se levasse a revista Panda..."

 

Situação: O cliente comprou um fascículo da "Hello Kitty Porcelana" com defeito e vem reclamar.

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "Com certeza foi o meu empregado adulto que deixou cair e vendeu-lhe à mesma com defeito. Peço imensa desculpa. Vou despedi-lo, devolvo-lhe já o dinheiro e os próximos 2 fascículos são oferta da casa, pelo incómodo que lhe causámos. E ainda lhe dou dois beijinhos!".

 

Situação: O cliente comprou um jornal e pede um saco para o transportar.

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "Lamento, mas os sacos custam dinheiro e sujam o ambiente. Compre 10 revistas e eu dou-lhe o saco. Se não quer sujar as mãos para a próxima traga luvas."

 

Situação: O cliente pede para ver a capa da Bola e acaba por folhear o jornal todo.

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "São 85 cêntimos, por favor."

 

Situação: O cliente está muito tentado a levar a mala que vem com a Máxima: "É cara... mas é linda, não acha?"

A criança responsável pelo departamento de vendas do quiosque: "É feia como tudo!"

publicado por ardinario às 10:58
link do post | comentar | favorito

.ardinario

RSS

.Vieram cá parar

.posts recentes

. A ORLANDA NÃO PERCEBE

. O PERFUME QUE ERA MEU

. O 11 DE SETEMBRO DOS QUIO...

. 3000 METROS OBSTÁCULOS

. Abra-se o livro!

. A vida dá muitas voltas

. À atenção dos accionistas...

. QUIOSQUE QUE LADRA NÃO MO...

. Última hora!

. O CURSO DE LÍNGUAS E O RO...

.arquivos

. Janeiro 2015

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2013

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.links